Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2008

Como é difícil ser da área de recursos humanos

Analistas de Recursos Humanos é uma das profissões que considero mais difíceis no mundo. Creio que só se compara com recolhedor de lixo, desentupidor de esgoto e advogado.
Isto porque é muito difícil contentar pessoas! Ainda mais se estas pessoas forem funcionários de uma empresa. Neste caso, então, é quase impossível.
O pessoal de RH está sempre tentando fazer da vida dos funcionários mais feliz. Isto porque há uma lenda de que "funcionários felizes são mais produtivos". Uma frase um tanto quanto questionável pois, se o funcionário está feliz, geralmente ele acaba se acomodando.
Por exemplo, o que você acha de uma empresa que:
Leva os funcionários para conhecer um museu;Faz um show fechado com um dos melhores grupos de teatro do Brasil;Faz uma festa de fim-de-ano com uma das bandas mais famosas do país;Dá uma cesta de fim-de-ano com panetones, whisky, vinho chileno, espumante e outras coisas para comer;E mais uma cesta de natal com Chester, lombinho e TenderPossivelmente você d…

TV aberta tem futuro?

A TV aberta é um dos principais meios de entretenimento da população brasileira. Apesar de termos quase 6 milhões de usuários de TV por assinatura, ainda não se comparam com 180 milhões de usuários da TV aberta.
Mas a "TV democrática" pouco evoluiu a sua programação nos últimos anos. A Rede Globo continua praticamente com a mesma programação de 20 anos atrás. Basicamente:
Programação infantil pela manhãJornal do meio-diaNovela repetida, vídeo show e a sessão da tardeNovelas até as 22h (com um intervalo para o Jornal da noite)Um seriado/filme ou um programa ligth depois da novela das 22hEsta fórmula, entretanto, é mantida porque faz sucesso. O público já está acostumado e aceita isto muito bem. Por isto é mantida.
Por isto, resolvi dar uma olhada no que as outras emissoras estão fazendo para tentar ganhar a audiência da Rede Globo (a eterna líder do Ibope) no horário que estou em casa para ver TV (depois das 21h).
Por exemplo, a Record resolveu apostar em seriados para ganhar a a…

Sendo um idiota de sucesso

Uma historinha para a terça-feira:

Conta-se que, em uma cidade do interior, um grupo de pessoas se divertia com o idiota da aldeia.
Um pobre coitado, de pouca inteligência, vivia de pequenos biscates e esmolas.
Diariamente eles chamavam o idiota ao bar onde se reuniam e ofereciam a ele a escolha entre duas moedas: uma grande de 400 réis e outra menor, de 2.000 réis. Ele sempre escolhia a maior e menos valiosa, o que era motivo de risos para todos. Certo dia, um dos membros do grupo chamou-o e lhe perguntou se ainda não havia percebido que a moeda maior valia menos. O tolo respondeu: "Eu sei. Ela vale cinco vezes menos, mas no dia que eu escolher a outra, a brincadeira acaba e não vou mais ganhar minha moeda." Podemos tirar várias conclusões dessa pequena narrativa: Quem parece idiota, nem sempre é;Quais eram os verdadeiros idiotas da história?Se você for ganancioso, acaba estragando sua fonte de renda. Mas a conclusão mais interessante é: "A percepção de que podemos estar …

Correria de Final de Semestre

A grande maioria das pessoas prefere postergar os seus problemas (ou até mesmo seus compromissos) ao invés de encará-los. É a famosa situação de "deixar tudo para última hora".
O maior exemplo disto são os alunos. Se tem uma tarefa para entregar na segunda, começa a pensar no domingo à noite. Se a prova final é na quinta, estuda na quarta-feira. Se o professor deixa usar uma folha de ajuda, vai fazer ela meia-hora antes da prova.
A grande parte dos meus alunos, por exemplo, deixou para estudar no final do semestre (e estão pagando o preço por isto), enquanto que se fizessem os exercícios que foram passados desde o início, possivelmente teriam um final-de-ano mais feliz.
Além disso, é nesta época que os alunos começam a pensar nos seus direitos acadêmicos! É fato o professor ouvir coisas como:
Mas eu sou formando, não posso reprovar (devia ter pensado nisto antes)
Se eu for reprovado, vou perder a bolsa (quem tem de manter a bolsa é o aluno, não o professor)
Quanto tu quer para me …

Obsolescência Programada

Estava lendo alguns artigos sobre "obsolescência programada" (ou planejada). Que é o fator de quando uma determinada coisa se tornará ultrapassada.
Na real, é determinar quando algo irá para o lixo porque não serve mais.
As coisas são criadas e planejadas de uma forma que se deteriorem ou fiquem ultrapassadas tão rapidamente que logo tenhamos que comprar novamente.
Este conceito é óbvio em coisas como sacolas ou copos de plástico, mas também verificamos isto desde computadores até canetas (você lembra quando foi que terminou a tinta de uma caneta sua?).

Isto se dá com praticamente todos os bens de consumo. Pesquisas recentes mostram que 99% dos bens consumidos pelos americanos são descartados com menos de 6 meses de uso. Tudo isto para que você tenha que consumir o produto novamente.
As vezes os produtos continuam funcionando perfeitamente, mas a pessoa sente-se mal porque o colega comprou um celular mais novo, o monitor CRT não é tão bonito como um LCD, o carro é mais bonito do …

Motivação pessoal para eu mesmo me auto-motivar

Uma das empresas onde trabalho resolveu fazer uma reorganização e, com isto, vários colegas perderam seus empregos. A outra empresa onde trabalho estava em estado de greve devido aos atrasos no pagamento de salários (que já duram 2 meses).
Com isto, devo confessar que passei uma semana meio conturbada. O clima de trabalho nas duas empresas era muito ruim e, com isto, acabei por ficar contaminado, se já é difícil ficar indiferente a uma das situações acima, imagina com as duas. Isto acabou por baixar minha auto-estima e motivação para trabalhar.
Entretanto, como já escrevi muitas vezes aqui no Blog, um profissional não pode deixar que situações como esta o abalem, sobre o risco de ter sua valorização reduzida. Situações deste tipo são as que dividem profissionais bons dos ruins.
Logo, resolvi tomar as seguintes posições:
Na empresa onde houve a reorganização, a solução é baixar a cabeça e trabalhar. Claro que fiquei sentido pelos colegas (e, principalmente, pelos amigos) que perderam o emp…

Como Demitir Funcionários

Em tempos de crise, geralmente a primeira coisa que as empresas fazem é cortar despesas. Embora esta prática nem sempre leve a um grande ganho financeiro, a primeira coisa que feita é reduzir o gasto com pessoal, o que leve às demissões.
Não quero entrar no mérito se isto é efetivo e, sim, colocar algumas dicas de como realizar o processo de demissão. Estas dicas foram baseadas na experiência da minha esposa (porque ainda não passei pela situação de ter de demitir alguém) e em alguns posts da Internet.
Tenha claro o motivo da demissão.Convoque o demitido para uma reunião. Ela tem de ser curta (cerca de 10 minutos de duração), pois a pessoa geralmente perde a capacidade de raciocínio quando recebe uma notícia destas e não irá mais ouvi-lo.Esta reunião deve ser realizada na primeira hora do dia, antes dele começar a sua rotina de trabalho, em uma sala reservada e sem interrupções. Se possível, tente evitar o contato do demitido com os seus colegas.
Prepare-se para administrar a reação emoc…

Sobre o Silêncio em Ambientes de Trabalho

Não é a toa que um dos riscos ocupacionais determinados pelo INMETRO é o Ruído. Ruídos demasiados têm reflexo em todo o organismo, não apenas ao conjunto auditivo.
Ruídos intensos e permanentes podem causar vários distúrbios, alterando significativamente o humor e a concentração humana.
Quando há o silêncio, todo o trabalho é melhor produzido. As pessoas tem um rendimento maior, o humor melhora, a concentração permite que erremos menos, entre outras coisas.
Por isto, é muito importante fazer o mínimo de barulho em locais de trabalho onde seja necessária a concentração. Não estou dizendo para não conversarem, nem sermos Monges Franciscanos o tempo todo, mas sim em conversar moderadamente, sem alterações no tom de voz e, principalmente, respeitando o trabalho dos outros.
Seguem algumas frases que podem levá-lo a não fazer tanto ruído e não atrapalhar os seus colegas:
"Todos os mistérios do homem derivam de não ser capaz de sentar silenciosamente em uma sala isolada" (Blaize Pascal)…

A importância do Prazo

Estava pensando sobre o quanto é importante colocarmos prazos nos objetivos que temos.
Colocar uma data-limite para um objetivo ou tarefa força a pessoa a tentar cumprir esta data e, por consequência, cumprir o objetivo proposto.
Devemos colocar prazos para:
cumprirmos uma tarefa,terminarmos um projeto,juntar um dinheiro,comprar uma casa,ter um filho,comprar um carro,fazer uma viagem,entregar o trabalho da faculdade,construir/comprar a casa própria,
tudo que tivermos de fazer durante a nossa vidaEm algumas vezes, o cumprimento do prazo não depende apenas de nós. Nestes casos, devemos fazer com que as outras pessoas possam ajudá-lo a alcançar o objetivo, de modo que não comprometa os prazos pessoais deles.
Outras vezes, não somos nós quem determinamos os nossos prazos. Quando isto acontece, a negociação entre o prazo desejado pela outra pessoa e o nosso prazo deve ser realizada.
E, no pior caso, você depende do prazo que uma outra pessoa deve te dar e não o faz. Meu conselho, neste caso, é n…

A Dualidade Gaúcha

O Rio Grande do Sul é um Estado onde o pricípio da dualidade (ou dualismo) reina absoluto.
Dualidade é "o sistema filosófico ou doutrina que admite, como explicação primeira do mundo e da vida, a existência de dois princípios, de duas substâncias ou duas realidades irredutíveis entre si, inconciliáveis, incapazes de síntese final ou de recíproca subordinação."
E não existe um local onde isto seja mais visível que no Rio Grande do Sul.
Neste Estado, as pessoas "devem" ter opinião! Ninguém pode ficar alheio sobre qualquer assunto e, na maioria das vezes, tu pode ser apenas "contra" ou "a favor".
Podemos citar vários exemplos desta dualidade, onde os gaúchos tem de realizar escolhas sobre:
Futebol: Grêmio ou inter, Pelotas ou Brasil, Juventude ou Caxias
Jornal: Zero-Hora ou Correio do PovoPolítica: PT ou anti-PTGramado ou CanelaCaxias ou BentoPelotas ou Rio GrandeMaragatos ou XimangosFarroupilhas ou FederalistasLaçador ou Pôr-do-Sol
Além disso, os defenso…

Professores Gestores

O meu primeiro emprego (tirando estágio) foi como instrutor em uma escola de informática. Após isto, entrei no mercado profissional e só voltei a ser professor em 2005 (como segundo emprego). Depois de uma parada ano passado, voltei ao mundo acadêmico este ano. No final, são apenas 4 anos como professor, mas o suficiente para poder descobrir o quanto um professor deve ser um gestor na sala de aula.
Em uma pesquisa rápida, descobri na Revista Profissão Mestre as características de um Professor-Gestor. Se alterares as palavras "alunos" por "funcionários", "turma" por "equipe" e "escola" por "empresa", verás que não muda muita coisa:
Constrói uma imagem positiva de si mesmo, dos alunos e da escolaÉ co-responsável pela captação e fidelização de alunos (novos talentos)Busca atualização em diversas áreas, constantementePlaneja suas ações prevendo as suas conseqüênciasÉ pró-ativoComunica-se bem, mantém todos bem informados sobre o seu…

Sobre Metas e Avaliações de Desempenho

Conversava hoje com um amigo sobre definição de metas e objetivos para empregados.Comentávamos que muitas empresas definem os objetivos do empregado de uma forma muito errada: Não-mensuráveis: sem uma forma prática de medir o quanto da meta foi atingidaSem prazos: metas que não tem prazo a ser cumprido ou, o que é pior, com um prazo erradoNão-funcionais: objetivos sem nenhuma outra função que não seja preencher uma avaliação de desempenhoSobre este último ponto, vale destacar o que acontece na empresa deste meu amigo. As metas são semestrais ou anuais. O chefe dele se reune com ele no final de cada avaliação, para que lhe seja dado um feedback sobre o trabalho realizado para cumprir (ou não) cada um dos objetivos propostos. Além dessa reunião, o chefe dele costuma se reunir a cada 3 meses para verificar o andamento das metas, para que o funcionário saiba se está no caminho certo para atingir o objetivo ou, ainda, dar um puxão-de-orelha para que o objetivo final acabe sendo cumprido.
Comec…

Coisas que acontecem em uma eleição

Após participar como mesário nas eleições 2008, seguem algumas coisas curiosas que vi:
O clássico tiozinho que chega tão bêbado que não consegue escrever a assinatura. Nessa hora, manda colocar o dedão na almofada de carimbo e vai assim mesmo!A vó que levou a neta e, enquanto a vó estava tentando lembrar o número do vereador (olhando na lista da seção), a neta resolveu apertar a tecla "Confirma" da urna-eletrônica!Eleitora tentando tirar foto da urna eletrônica com o celular. Peguei o celular dela e apaguei a foto, se bem que ela tirou a foto tão tremida que não dava para ver nada!
Candidato que entra na seção com um monte de gente, tentando tirar foto e fazendo bagunça na seção. Coloca todo mundo para fora e acaba com a bagunça que trabalhar no domingo é brabo!Briga de fiscais para ver quem pega o boletim de urna primeiro. Por mim, eles que se matem!Um monte de candidato apertando a tua mão! Lavei bem as mãos após cada um deles!Fiscais brigando porque o outro fiscal cumprimen…

Aprenda a Programar em Dez Anos

Por: Peter Norvig
Tradução por: Augusto Radtke

Entre em qualquer livraria. Você vai ver "Aprenda Java em 7 dias", assim como diversas variações oferecendo lições de Visual Basic, Windows, Internet e por ai vai, em dias ou horas. Eu fiz a seguinte pesquisa na Amazon.com:

pubdate: after 1992 and title: days and (title: learn or title: teach yourself)

Encontrei 248 entradas. As primeiras 78 eram livros sobre computadores (número 79 era "Learn Bengali in 30 days"). Troquei "dias" por "horas" e encontrei resultados incrivelmente similares: 253 livros, 77 de computadores, seguidos de "Teach Yourself Grammar and Style in 24 Hours" no número 78. Do total de 200, 96% eram livros de computadores.

A conclusão é que: ou as pessoas estão com muita pressa de aprender sobre computadores, ou computadores são extremamente mais fáceis de aprender do que qualquer outra coisa. Não há livros de como aprender Beethoven, ou Física Quântica ou até adestramento de …

Frases sobre Gerentes de Projeto

ATENÇÃO: Se você é um Gerente de Projeto, saiba que este é um tópico de humor, criado para que os programadores possam se divertir. Claro, se você fizer pelo menos 3 dos itens abaixo, reveja seus conceitos de gerente de projeto!

Todo gerente de projeto ruim que eu conheço:
não é técnicoquer ser PMPtem medo de tomar decisõesacha que pode passar a 6a. marcha e cortar o tempo de projeto pela metade com o mesmo número de desenvolvedores envolvidosquando o projeto atrasa diz: "Eu não sabia de nada"nunca programoupossui sólidos conhecimentos em Microsoft Office (e só)vem sempre com aquela historinha: "Pessoal, vamos fazer uma força-tarefa" (quando o projeto está na beira do abismo)fala que todo erro de sistema é algo gravíssimo e tem que ser corrigido no dia (mesmo que só entre em produção 1 mês depois)faz questão de cumprimentá-lo com um lindo sorrisoera um péssimo programadorsenta do seu lado quando o projeto tá atrasado e fica o tempo todo perguntando o que você está fa…

Sobre o Pizza Mode

Estava lendo o Porta 25, um blog que faz o relacionamento entre a Microsoft e a comunidade Open Source, e lá estava uma metodologia de trabalho para cumprimento de prazos bem interessante chamada "Pizza Mode".

Quando um projeto está perto do final e nota-se que está atrasado, o projeto entra em "Pizza Mode".
Consiste de colocar todos os desenvolvedores trancados em uma sala. A partir daí, eles receberão pizzas em horários determinados por baixo da porta, até que eles entreguem um CD com a finalização do projeto (também por baixo da porta).
Existem algumas regras que permitem o "bem-estar" dos desenvolvedores, como "poder dormir 8 horas por dia" (em rodízio), "café liberado", "banhos de sol" com luz artificial, etc.
Tá certo que a Princesa Isabel tinha proibido esta prática lá em 1888, mas parece que funciona.

Talvez isto pudesse ser implantado nos projetos da sua empresa. Quem sabe os projetos fossem entregues no prazo desta forma…

Google Developer Day 2008

Abaixo a minha impressão sobre as palestras que assisti no evento Google DeveloperDay, dia 27/06 em São Paulo.

Google e o Mercado Brasileiro
Por JulioZaguini

Uma excelente palestra, mostrando a visão do Google sobre o mercado brasileiro e como eles vêem a Internet de maneira geral.
Cito abaixo algumas frases que foram colocadas (algumas meio óbvias), as quais mostram o foco que deve ser dado pelas empresas de Internet nos próximos anos:
"Inovação é um processo Colaborativo": mostrando que, na maioria das vezes, a inovação na Internet passa pela mente dos usuários e, não, pela mente dos gerentes de produto"É o indivíduo quem cria conteúdo e define as tendências""Se o usuário não usa, por que manter um produto?" - Caso do Google Vídeos, por exemplo."O usuário possui um comportamento multi-facetado" - Tentar entender o usuário baseado apenas no histórico do que ele acessou pode ser um erro."Nenhum veículo de comunicação morreu até hoje" - Veja…

Google também contrata agências de marketing "burras"

Recebi um e-mail do Google sobre o Google Developer Day 2008.
Um e-mail simples, explicando os detalhes básicos do evento, local, data e hora, etc.
Entretanto, existe no e-mail 2 links: um para "Como Chegar" e outro "Para mais informações clique aqui".
Tudo bem, não fosse o fato do e-mail ser apenas uma imagem, não tendo como clicar nos links:

Desburocratização é para os fracos

Quer garantir que uma solicitação de uma determinada área (área 1) chegue em outra (área 2), faça conforme o seguinte exemplo:
"Peão da área 1" pede uma coisa para o "Peão da área 2".O "Peão da área 2" até sabe o que tem de ser feito, entretanto ele pede para que o "Peão da área 1" faça a solicitação via o chefe dele.O "Peão da área 1" fala com o "Chefe da área 1"
O "Chefe da área 1" pede para o "Peão da área 2".Entretanto, existe um responsável pelo projeto que está em uma "Área 3", logo, o "Peão da área 2" pede que ele fale com este responsável.O "Chefe da área 1" pede para o "Responsável da Área 3"O "Responsável da Área 3" pede para o "Peão da área 2".O "Peão da área 2" fala que, na área 2, existe uma pessoa que é responsável pelo produto, que está na "Área 4".O "Responsável da Área 3" pede para o "Responsável d…

Sobre a Inveja

Inveja, s.f., do Lat. invidia, misto de pena e de raiva; sentimento de desgosto pela prosperidade ou alegria de outrem; desejo de possuir aquilo que os outros possuem; ciúme; emulação, cobiça.

O sentimento de inveja é um dos mais comuns do ser humano. Embora poucos admitam, todos nós somos invejosos por natureza.
Isto acontece porque não nos contentamos em ser nós mesmos e sempre estamos mirando algum exemplo a ser seguido.

Vamos citar dois exemplos:
Uma pessoa quer ser gerente. Ela vê no seu atual gerente todas as boas qualidades que ele tem: espírito de liderança, experiência, atenção com seus subordinados, entre outras características. A pessoa luta, tenta superar seus defeitos e tenta adquirir as mesmas qualidades que o seu gerente para que, caso um dia a vaga de gerente esteja disponível, esta pessoa possa ser uma das candidatas à vaga.Uma pessoa quer ser gerente. Ao invés de ver as qualidades do seu atual gerente, ela tenta desmoralizar o atual enfatizando os defeitos dele e enaltec…

Falta de Profissionalismo

Hoje recebi um e-mail que demonstra a falta de profissionalismo de uma pessoa.
Este e-mail fazia uma avaliação de um produto, comparava-o com outros existentes e tinha uma análise relativamente interessante e positiva sobre o mesmo.
Pelo que estava escrito, a pessoa tinha demorado um bom tempo para analisar pelo menos 6 produtos diferentes além do produto que estava sendo avaliado.
Até aí tudo bem, sempre gostamos de receber textos e análises bem feitas.

O problema é: a pessoa simplesmente pegou textos prontos da Internet, análises feitas por outras pessoas, copiou e colou em um e-mail e, possivelmente, nem se deu ao trabalho de verificar os produtos com os quais estava comparando (pois alguns produtos citados por ela não tem nada a ver com o produto avaliado). Só descobri isto porque o texto do e-mail não era condizente com o vocabulário da pessoa e resolvi fazer uma busca no Google por partes do texto do e-mail.

Isto demonstra o quanto uma pessoa pode não ser profissional em um ambiente …

Sobre as palestras que vi no FISL 9.0

Um resumo bem resumido sobre as palestras que vi no FISL. Infelizmente não pude ir ao FISL no sábado pois fins-de-semana são dias para passar com a família, mas seguem abaixo as minhas impressões.


Desenvolvimento de Rich Internet Applications em Alto Desempenho para Web 2.0 com o GWT e GrizzlyComet
Por: Alexandre Gomes e TedGoddard

Palestra muito boa, que apresentou o conceito de RIA de uma forma muito consistente.
Além disso, explicou como é possível realizar o RIA com o GWT, GrizzlyComet e o Icefaces.
Valeu pelo conceito. e pela explicação de como podemos realizar requisições para que o servidor avise o cliente de que algum evento ocorreu.
Apresentou os problemas da arquitetura e como pode ser solucionado através do Grizzly e Icefaces.

Enabling Real-TimeRich Internet Applicationswith Apache Derby & Comet
Por: TedGoddard e FrancoisOrsini

Como um dos autores era o mesmo da palestra anterior, começou com uma repetição da teoria por traz de RIA que tinha sido explicada anteriormente.
Após, um…

Sobre o Terra no FISL 9.0

Fui ao Fórum Internacional de Software Livre (FISL) entre os dias 17 e 19 deste mês como participante em algumas palestras e como funcionário do Terra para esclarecer algumas dúvidas no Stand que lá foi colocado.
Percebi que várias pessoas não entendiam o que o Terra estava fazendo lá visto que, na visão deles, o Terra não incentiva o uso do Software Livre nem tenta facilitar a vida dos usuários dos sistemas livres. Fato este percebido nitidamente no Terra TV, que ainda não suporta o sistema Linux.
Como muitos me perguntaram isto, e como vi alguns sites na Internet criticando, coloco abaixo as considerações sobre estes pontos:
Mais de 90% da infra-estrutura de back-end do Terra tem SL (software livre) como base.As equipes de tecnologia do Terra já apresentaram "bug-reports" e "patches" consistentes para melhorias dos sistemas Postfix, Wordpress, Squid, VFS, NFS, Kernel do Linux e módulos do Apache. Entretanto, foram feitas anonimamente, não citando o nome da empresa.U…

Elogie

Quer fazer o dia de uma pessoa mais feliz: Elogie!
Uma simples frase de elogio faz com que as pessoas se sintam mais felizes e realizadas pelo resto de um dia.
Não precisa muito, basta algo como:
Parabéns!Ficou bom o teu trabalho!Isto prova a tua importância na equipeCoisas simples que vão fazer o outro se sentir mais motivado e a tu serás visto como uma pessoa que se importa com os outros.

Motivação de Funcionários

Na coluna de hoje de Paulo Sant'ana no Jornal Zero-Hora, ele comenta sobre motivação, no texto que segue:
"Se você trabalha no serviço público ou na empresa privada, em qualquer organização, e lhe for perguntado se é lá bem aproveitado, responderá com um sonoro não.
Isto acontece tanto porque nós superestimamos nossa capacidade quanto porque nossos superiores a subestimam.
Tanto melhor e mais próspera será uma empresa ou um serviço público quanto melhor souber aproveitar o talento e os esforços de seus servidores.
O perigo de não aproveitá-los é fazer espalhar o desânimo"

Mas não esqueça: nada é pior do que um burro motivado.

Sobre Lemmings e Trabalho

Sou um fã confesso do jogo Lemmings, um jogo onde necessitamos levar os personagens que caem de um alçapão até um portal. Para que eles cheguem ao portal, podemos dar-lhes tarefas (como cavar, construir plataformas, etc). Este jogo foi lançado em 1989 e hoje existe até uma versão feita em DHTML que pode ser jogada online aqui.
Existe uma singela relação entre este jogo e personagens que encontramos no nosso ambiente de trabalho. Abaixo listo a relação entre os Lemmings e um ambiente de trabalho:
Escalador: como aquele funcionário que quer subir na empresa, até mesmo a qualquer custo. Basta encontrar um lugar por onde possa escalar que já está indo.
Para-quedista: Entra nos assuntos de repente, mesmo sem saber onde pode estar se metendo.
Lemming-bomba: Basta encontrar uma dificuldade que acaba explodindo.
Lemming-barreira: Não deixa os outros Lemmings seguirem adiante. Acabam atrapalhando o trabalho dos outros.
Construtor de passarela: Se esforça para fazer com que os outros Lemmings consiga…

Renovação de Equipes

Voltando à temas relacionados a trabalho, resolvi escrever um pouco sobre o que eu acho que deve ser feito quando uma equipe começa a se renovar.
Vários fatores são causas da renovação de uma equipe. Para fixar um escopo inicial, cito os três abaixo:
Demissão de funcionários por parte do gestor imediatoPedidos de demissão de funcionáriosPromoções de funcionários ou troca de equipeDevido a estes fatores, há a necessidade de colocar novos funcionários dentro da equipe. Estes funcionários devem ou ser buscados do mercado (caso de novas contratações) ou dentro da própria empresa (caso de realocação interna).
Entretanto, toda substituição possui efeitos colaterais que devem ser resolvidos o mais breve possível, sob o risco do gestor ver a sua equipe desmotivada ou, pior ainda, "pedindo prá sair" (chama o Bope).
Aí fica a dúvida: como podemos fazer para resolver estes problemas de uma maneira rápida? Com certeza, não há uma resposta pronta para isto, mas algumas medidas podem ser toma…

Filósofos e Programadores

Recebi por e-mail uma comparação bem legal entre filosofia e programação. Mais uma da série: piadas que só nerds entendem:

Filósofo: "Os últimos serão os primeiros"
Programador: "Pilha"

Filósofo: "Quanto mais sei, mais sei que nada sei"
Programador: "Esse array é muito grande"

Filósofo: "Os fins justificam os meios"
Programador: "Outra gambiarra"

Filósofo: "Aguá mole em pedra dura, tanto bate até que fura!"
Programador: "Essa porra vai ter q funcionar"

Filósofo: "Resolva um problema de cada vez "
Programador: "Cada processo deve ser tratado individualmente"

Filósofo: "Uma caminhada de mil léguas começa com o primeiro passo"
Programador: "int main(){"

Filósofo: "Nada é impossível, é tudo questão de tempo"
Programador: "Vou pegar um fonte no google e alterar"

Filósofo: "Se você não encontra o sentido das coisas é porque este não se encontra, se cria"
Prog…

Trabalhar "botando no cu dos outros"

Tenho notado em algumas das empresas uma nova forma de trabalho (ou não tão nova assim) que é a célebre "botar no cu dos outros".
Fiz um post uns dias atrás sobre Ética no Trabalho e ontem estava pensando que a falta de ética está ligada diretamente a esta forma de trabalho.
Podemos notar isto em várias situações, como as que seguem:
Se um projeto que depende de várias equipes tem problemas, uma equipe joga a responsabilidade do problema para a outra.Se um projeto na mesma equipe tem problemas, acontece a mesma coisa.Se tu fez algo errado, tenta colocar a culpa no colega (comentário infame: geralmente um estagiário).Empresas menores dificilmente tem este problema porque as pessoas estão mais próximas e sabem o que está acontecendo. Já empresas com muitas equipes ou com equipes que passaram por reestruturações, isto acontece com mais freqüência.
Outra coisa que notei é que esta coisa acontece mais entre os chefes do que entre os empregados. Possivelmente porque chefes precisam da…

Ética no Trabalho

Um dos blogs que costumo ler é o Efetividade.net.
Em seus últimos POSTs, eles publicaram um texto sobre Ética no Trabalho, que lista 16 pontos muito legais sobre o assunto, os quais reproduzo abaixo:
Seja honesto em qualquer situaçãoNunca faça algo que você não possa assumir em públicoSeja humilde, tolerante e flexível. Muitas idéias aparentemente absurdas podem ser a solução para um problema. Para descobrir isso, é preciso trabalhar em equipe, ouvindo as pessoas e avaliando a situação sem julgamentos precipitados ou baseados em suposições. Ser ético significa, muitas vezes, perder dinheiro, status e benefícios. Dê crédito a quem merece. Nem sonhe em aceitar elogios pelo trabalho de outra pessoa. Cedo ou tarde, será reconhecido o autor da idéia e você ficará com fama de mau-caráter. Pontualidade vale ouro. Se você sempre se atrasar, será considerado indigno de confiança e pode perder boas oportunidades de negócio. Evite criticar os colegas de trabalho ou culpar um subordinado pelas cost…

I-Phone para crianças

Compramos 2 I-Phones aqui na empresa para podermos fazer testes com aplicações e, neste fim-de-semana, levei para casa para testar e verificar como funciona.
Não vou falar das qualidades dele. É um aparelho simplesmente fantástico! Mais que um celular, menos que um computador, mas muito bom!
Mas resolvi fazer uma experiência e deixar a minha filha mais velha (de 4 anos) mexer nele. Larguei o I-Phone na mão dela sem explicar nada (apenas que não era para deixar cair no chão porque não era do papai) e disse: "mexe"!
Depois de um tempinho, ela já tinha descoberto como tirar fotos, como ver as fotos, descobriu o aplicativo de notas, escreveu o nome dela e estava ensinando a mãe dela de como usar o aparelho!
Foi o típico exemplo de como os mais novos lidam com aparelhos que nós, adultos, ainda demoramos um pouco para entender!

Transmissões de Futebol em FM

Gostaria de saber por que cargas d'água as rádios que transmitem jogos de futebol no Rio Grande do Sul não o fazem em FM, apenas em AM.
Gosto muito de ouvir a narração da Rádio Gaúcha, mas ultimamente tenho pensado que eles deveriam fazer esta narração em FM. Meus motivos são:
Não tenho um aparelho de rádio AM bom.Quando vou ao estádio, tenho de levar um rádio de pilha paraguaioHoje qualquer aparelho celular ou MP3 Player possui um rádio FM (melhor e mais discreto)
Se houvesse narração do jogo via FM, poderia simplesmente levar o celular no bolso e ouvir o jogo sem problemas. Não precisaria levar mais um aparelho apenas para isto.
Acho que é uma oportunidade ainda inexplorada para as empresas de rádio gaúchas. A primeira que fizer isto vai sair na frente da concorrência e pode pegar um mercado novo e em expansão.

Será o Fim dos HDs?

Estava olhando o caderno de informática da Zero Hora ontem (ZH Digital), quando me deparei com 2 conceitos muito interessantes:

O primeiro diz respeito à "TI Verde", que é o termo utilizado para a conscientização sobre a necessidade de diminuir o impacto ambiental da tecnologia. Isso significa que a reciclagem de eletrônicos e o desenvolvimento de produtos que gastem menos energia, como os processadores com múltiplos núcleos (multi-core) e os monitores de LCD sejam mais frequentes.

Já o segundo diz respeito à USB 3.0, uma nova versão do protocolo USB que irá permitir uma transferência até 10 vezes mais rápida que os 480Mbps atuais.

Com estes dois conceitos, podemos deduzir que em breve veremos a "aposentadoria" dos atuais HDs por equipamentos mais eficientes. Já existem cartões de memória USB com 32Gb por US$ 500,00 (veja aqui), como o preço dos equipamentos de informática costumam cair à medida em que a concorrência aumenta, possivelmente o preço dos cartões com esta…