quarta-feira, 24 de junho de 2009

Expressões usadas pelas mulheres



Um dos ótimos e-mails que recebo durante o dia, já que estou escrevendo pouco e trabalhando muito.
Seguem as expressões utilizadas pelas mulheres e seus reais significados:

  • "Certo": Esta é a palavra que as mulheres usam para encerrar uma discussão quando elas estão certas e você precisa se calar.
  • "5 minutos": Se ela está se arrumando significa meia hora. "5 minutos" só são cinco minutos se esse for o prazo que ela te deu para ver o futebol antes de ajudar nas tarefas domésticas.
  • "Nada": Esta é a calmaria antes da tempestade. Significa que ALGO está acontecendo e que você deve ficar atento. Discussões que começam em "Nada" normalmente terminam em "Certo".
  • "Você que sabe": É um desafio, não uma permissão. Ela está te desafiando, e nessa hora você tem que saber o que ela quer... e não diga que também não sabe!
  • Suspiro ALTO: Não é realmente uma palavra, é uma declaração não-verbal que freqüentemente confunde os homens. Um suspiro alto significa que ela pensa que você é um idiota e que ela está imaginando porque ela está perdendo tempo parada ali discutindo com você sobre "Nada".
  • "Tudo bem": Uma das mais perigosas expressões ditas por uma mulher. "Tudo bem" significa que ela quer pensar muito bem antes de decidir como e quando você vai pagar por sua mancada.
  • "Obrigada": Uma mulher está agradecendo, não questione, nem desmaie. Apenas diga "por nada". (Uma colocação pessoal: é verdade, a menos que ela diga "MUITO obrigada" - isso é PURO SARCASMO e ela não está agradecendo por coisa nenhuma. Nesse caso, NÃO diga "por nada". Isso apenas provocará o "Esquece").
  • "Esquece": É uma mulher dizendo "F...-SE !!"
  • "Deixa pra lá, EU resolvo": Outra expressão perigosa, significando que uma mulher disse várias vezes para um homem fazer algo, mas agora está fazendo ela mesma. Isso resultará no homem perguntando "o que aconteceu?". Para a resposta da mulher, consulte "Nada".
  • "Precisamos conversar!": F....!!!, você está a 30 segundos de levar um pé na bunda.
  • "Sabe, eu estive pensando...": Esta expressão até parece inofensiva, mas usualmente precede os Quatro Cavaleiros do Apocalipse...

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Música de Segunda - Carlos Gardel - Por Una Cabeza



Carlos Gardel é o maior cantor argentino uruguaio francês de tango do mundo.
Nasceu em algum lugar entre o Uruguai e a França, mas desde os dois anos e meio de idade morou em Buenos Aires e se tornou o maior intérprete de tango do mundo.
Por Una Cabeza é um de seus grandes tangos, imortalizado em inúmeros filmes, que fala de um apostador compulsivo de corridas de cavalos, e compara este vício com sua atração pelas mulheres. Afinal, tango sem falar de mulher é que nem música sertaneja sem falar de corno!



Por una cabeza de un noble potrillo
que justo en la raya afloja al llegar
y que al regresar parece decir:
no olvides, hermano,
vos sabes, no hay que jugar...

Por una cabeza, metejon de un dia,
de aquella coqueta y risueña mujer
que al jurar sonriendo,
el amor que esta mintiendo
quema en una hoguera todo mi querer.

Por una cabeza
todas las locuras
su boca que besa
borra la tristeza,
calma la amargura.

Por una cabeza
si ella me olvida
que importa perderme,
mil veces la vida
para que vivir...

Cuantos desengaños, por una cabeza,
yo jure mil veces no vuelvo a insistir
pero si un mirar me hiere al pasar,
su boca de fuego, otra vez, quiero besar.

Basta de carreras, se acabo la timba,
un final reñido yo no vuelvo a ver,
pero si algun pingo llega a ser fija el domingo,
yo me juego entero, que le voy a hacer.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Sobre o Dia dos Namorados



Já que me deixei influenciar pelo dia de hoje, segue um post estilo "Martha Medeiros" (eca!).

Gostei muito da coluna do David Coimbra no jornal Zero-Hora de hoje (link aqui). Na coluna ele fala que os homens são muito mais românticos do que as mulheres.
Ele argumenta que a principal prova disto é o Dia dos Namorados: "Para quem o Dia dos Namorados foi criado? Obviamente, para as mulheres. Alguém há de dizer que se trata de uma efeméride urdida para satisfazer o romantismo feminino. Mas não. Porque o romantismo não pode estar assinalado no calendário. O romantismo é o que exsuda de um peito dolorido."
Mulheres fixam muito as datas. É o dia das mães, o dia dos namorados, o aniversário de mês de namoro, o aniversário de mês do primeiro beijo, e por aí vai.
Já os homens não têm isto. Os homens são românticos na grande maioria dos dias. É levar para jantar, buscar no serviço, um abraço durante a noite, uma ligação durante o dia, uma flor no fim-de-semana, pagar a conta da balada, levar para passear, etc. Enquanto as mulheres acham que isto é simples obrigação, nós homens fazemos isto por puro romantismo. Claro que nem sempre acertamos, mas quando erramos é porque estamos tentando fazer o melhor.
Tudo para tentar contentar a pessoa amada. Afinal, a concorrência é grande e aquela balela de que existem 10 mulheres para cada macho nem homem-bomba-muçulmano acredita mais (ou seriam os homens apenas 10% da população?).
Então, para as mulheres que caso não ganharam o presente tão desejado do seu namorado no dia de hoje, lembrem-se que a data só é importante mesmo para vocês e para as lojas de presentes, para nós o que importa é que vocês existem e que oferecemos todo o nosso amor para vocês. Assim, ofereçam para nós, homens, todo o sincero amor que vocês tem para nos dar (mesmo não sendo tão românticas quanto nós).