terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Notas de Leitura - Steve Jobs - A Biografia



Durante a leitura da biografia de Steve Jobs, de Walter Isaacson, acabei destacando várias passagens do livro. Como achei interessantes, abaixo seguem as passagens destacadas por mim. Como foram muitas, o posta acabou ficando bem grande.
As que não são do Steve Jobs estão com o autor especificado.

  • "Quando você é um marceneiro fazendo um belo gaveteiro, não vai usar uma placa de compensado na parte de trás, mesmo que ela fique encostada na parede e nunca ninguém vá ver. Você sabe que está lá, então vai usar uma bela madeira no fundo. Para você dormir bem à noite, a estética, a qualidade, tem de ser levada até o fim"
  • "É melhor ser pirata do que entrar na Marinha"
  • "É preciso sem implacável para montar uma equipe de gente A. É muito fácil, quando uma equipe cresce, aparecerem alguns integrantes de classe B e dali a pouco o grupo acaba tendo até alguns C. A experiência Macintosh me ensinou que integrantes de classe A gostam de trabalhar só com outros classe A, o que significa que você não pode permitir integrantes de classe B"
  • "O campo de distorção da realidade pode servir de estímulo, mas depois a realidade fala mais alto" (Joanna Hoffmann)
  • "Nos primeiros trinta anos de vida, você forma seus hábitos. Nos trinta anos finais de vida, seus hábitos formam você"
  • "O que sei fazer melhor é juntar um grupo de pessoas de talento e produzir coisas com elas"
  • "Quando Alice diz que, por mais que tente, não consegue acreditar em coisas impossíveis, a Rainha Branca retruca: 'Nossa! Pois eu às vezes acredito em seis coisas impossíveis antes do café da manhã'"
  • "Você está ferrado se fizer alguma coisa, e ferrado se não fizer coisa alguma"
  • "Minha relação com o dinheiro é que ele é uma ferramenta para nos tornarmos autossuficientes, mas não é algo que faça parte de quem eu sou"
  • "É divertido fazer o impossível" (Walt Disney)
  • "Larry, é por isso que o fato de eu ser seu amigo realmente importa. Você não precisa de mais dinheiro"
  • "Tendência a ver tudo como binário. A pessoa era herói ou babaca, o produto era incrível ou uma merda" (Walter Isaacson)
  • "Há muita gente ótima na Apple, mas todos erraram porque o plano estava errado. Encontrei pessoas que não veem a hora de se alinhar atrás de uma boa estratégia, mas o fato é que não havia nenhuma"
  • "Decidir o que não fazer é tão importante quanto decidir o que fazer. Isso vale para empresas e vale também para produtos"
  • "Detesto quem usa apresentações de slides em vez de pensar. As pessoas enfrentavam problemas fazendo uma apresentação. Eu queria que elas se emprenhassem, que discutissem à mesa, em vez de mostrar um monte de slides. Quem sabe do que está falando não precisa de Powerpoint"
  • "Fico surpreso quando fazemos um modelo e nos damos conta de que é uma porcaria, muito embora, baseado nos desenhos de CAD, parecesse ótimo"
  • "Esquie para onde o disco está indo, e não para onde ele estava" (Wayne Gretzky)
  • "Seu objetivo era manter-se alerta contra 'a explosão de babacas' que leva as empresas a criarem gordura com talentos de segunda" (Walter Isaacson)
  • "Quando fazemos uma contratação, mesmo que a pessoa vá ficar no marketing, eu mando conversar com o pessoal de design e com os engenheiros. Meu modelo é J. Robert Oppenheimer. Li sobre o tipo de gente que ele procurou para o projeto da bomba atômica. Eu estava longe de ser tão bom quanto ele, mas era essa minha aspiração"
  • "Uma apresentação de Jobs desencadeia uma torrente de dopamina no cérebro dos que estão na plateia" (Carmine Gallo)
  • "A Apple é uma marca tão grande quanto a Gap?", perguntou Ron Johnson. Jobs disse que era muito maior. Johnson respondeu que, nesse caso, suas lojas deveriam ser maiores. "Do contrário, vocês serão irrelevantes"
  • "Tudo o que fiz direito só tinha ficado bom depois que apertara o botão de rebobinar"
  • "As pessoas ficam presas nesses padrões, como sulcos em um disco, e nunca saem deles. Claro, algumas pessoas são naturalmente curiosas, crianças para sempre em sua admiração pela vida, mas são raras"
  • "Se a proteção da propriedade intelectual começar a desaparecer, as empresas criativas vão desaparecer, ou nem começar. É errado roubar. Prejudica outras pessoas. E faz mal ao seu próprio caráter"
  • "Sou uma das poucas pessoas que sabem que produzir tecnologia requer intuição e criatividade, e que a produção artística exige disciplina de verdade"
  • "Quando você faz algo para si mesmo, ou para seu melhor amigo, ou para sua família, você não vai fazer porcaria. Se você não ama uma coisa, não vai fazer o esforço a mais, trabalhar no fim de semana, desafiar tanto o status quo"
  • Uma das regras empresariais de Jobs era nunca ter medo de se prejudicar. "Se você não fizer isso consigo mesmo, alguém o fará"
  • "Existe uma tentação em nossa era digital de pensar que as ideias podem ser desenvolvidas por e-mail e no iChat. Loucura. A criatividade vem de encontros espontâneos e conversas aleatórias. A gente encontra alguém por acaso, pergunta o que anda fazendo, diz uau, e logo começa a borbulhar com todo tipo de ideia"
  • "Uma vez, Alex Haley disse que a melhor maneira de começar um discurso é dizendo 'Vou lhes contar uma história'. Ninguém gosta de preleções, mas todos adoram uma história."
  • "A ideia do iPad na verdade foi anterior e ajudou a moldar o nascimento do iPhone"
  • "Ele tem uma capacidade misteriosa de inventar maquininhas que a gente não sabia que precisava, e então de repente não consegue mais passar sem elas" (Daniel Lyons)
  • "Steve Jobs projetou um computador potente que um garoto analfabeto de seis anos pode usar sem receber nenhuma instrução. Se isso não é mágico, então não sei o que é" (Michael Noer)
  • "Porra! Parece um comercial do Visa! Coisa típica de agência de publicidade."
  • "Disse-nos que teríamos dificuldade em fazer as coisas direito, porque estamos em Nova York e quem entende minimamente de tecnologia trabalha no Vale do Silício" (James Murdoch)
  • "Em muitas empresas de bens de consumo há uma tensão entre os designers, que querem que o produto tenha um visual bonito, e os engenheiros, que precisam garantir que o produto atenda as suas exigências funcionais"
  • "Quando ele e o diretor de design Jony Ive tinham conspirado juntos na parte da criação, em 1997, ambos costumavam encarar os receios dos engenheiros como demonstrações de uma atitude negativista, do 'não dá', que precisava ser superada" (Walter Isaacson)
  • "Eu passaria por aquilo tudo de novo só pela oportunidade de ter ele ali, me vendo trabalhar. Ele precisava ver o que o pai faz"
  • "Pusemos o iTunes no Windows para vender mais iPods. Mas não vejo vantagem em colocar nossos aplicativos de música no Android, a não ser deixar os usuários de Android satisfeitos. E eu não quero deixar os usuários de Android satisfeitos"
  • "Ele fez o máximo que pode para ser pai e presidente executivo da Apple, e equilibra muito bem as duas coisas. Às vezes eu gostaria de ter mais atenção dele, mas sei que o trabalho que ele está fazendo é muito importante, e acho legal de verdade, então tudo bem. Realmente não preciso de mais atenção" (Erin Powell Jobs)
  • "A natureza ama a simplicidade e a unidade" (Johannes Kepler)
  • "Acho que Henry Ford disse certa vez: 'Se eu perguntasse aos consumidores o que queriam, eles teriam dito: Um cavalo mais rápido'"
  • "Quando o pessoal de vendas dirige a empresa, o pessoal de produtos deixa de ter importância, e muitos simplesmente perdem o interesse"
  • "Não inventei a língua ou a matemática que uso. Preparo pouco da comida que como, e nenhuma das roupas que visto. Tudo o que faço depende de outros membros da nossa espécie e dos ompros sobre os quais ficamos em pé"
  • "Isto é para os loucos. Os desajustados. Os rebeldes. Os encrenqueiros. Os pinos redondos em buracos quadrados. Os que enxergam as coisas de um jeito diferente. Eles não gostam muito de regras. Eles não respeitam o status quo. Pode-se citá-los, discordar deles, exaltá-los ou difamá-los. A única coisa que não se pode fazer é ignorá-los. Porque eles mudam as coisas. Eles empurram a raça humana para a frente. E, quando alguns os julgam loucos, nós os julgamos gênios. Porque as pessoas que são loucas o suficiente para achar que podem mudar o mundo... são as que mudam". (comercial Think Different)

Postar um comentário