quarta-feira, 19 de março de 2008

Sobre Lemmings e Trabalho



Sou um fã confesso do jogo Lemmings, um jogo onde necessitamos levar os personagens que caem de um alçapão até um portal. Para que eles cheguem ao portal, podemos dar-lhes tarefas (como cavar, construir plataformas, etc). Este jogo foi lançado em 1989 e hoje existe até uma versão feita em DHTML que pode ser jogada online aqui.
Existe uma singela relação entre este jogo e personagens que encontramos no nosso ambiente de trabalho. Abaixo listo a relação entre os Lemmings e um ambiente de trabalho:
  • Escalador: como aquele funcionário que quer subir na empresa, até mesmo a qualquer custo. Basta encontrar um lugar por onde possa escalar que já está indo.
  • Para-quedista: Entra nos assuntos de repente, mesmo sem saber onde pode estar se metendo.
  • Lemming-bomba: Basta encontrar uma dificuldade que acaba explodindo.
  • Lemming-barreira: Não deixa os outros Lemmings seguirem adiante. Acabam atrapalhando o trabalho dos outros.
  • Construtor de passarela: Se esforça para fazer com que os outros Lemmings consigam seguir adiante, baseados no trabalho anterior dele.
  • Escavador horizontal: Procura tirar as dificuldades da frente da equipe
  • Escavador vertical: Abre buracos para que, ou os Lemmings fiquem presos até que ele termine, ou acabem caindo.
  • Lemming da picareta: Usa todo o seu instrumento de trabalho para que os demais possam seguir o seu objetivo.
  • Jogador: o jogador é como o chefe, é ele quem comanda e diz o que cada Lemming deve fazer. Caso o jogador não peça para o Lemming fazer a coisa certa, no tempo certo, é ele quem perde o jogo. Ele pode fazer todo mundo parar, todo mundo andar mais rápido ou até mesmo, fazer todos os Lemmings explodirem.
O detalhe é que, a menos que todos os Lemmings saibam o que estão fazendo e, principalmente, o motivo pelo qual eles estão fazendo, o objetivo final do jogo não será alcançado.
Postar um comentário